5 minutos

Criado em 1994, com o objetivo de fomentar a produção audiovisual no estado da Bahia, o 5 minutos ganhou âmbito nacional a partir de sua terceira edição. Por reunir obras de diferentes regiões brasileiras, o Festival é marcado pela diversidade e pluralidade. Outra característica do Festival é garantir a exibição pública de todos os inscritos, na mostra Panorama Nacional.

FILMES

Premiados em 2007

CARRO DE BOI

Nicolas Hallet | 4:15 | 2007 | Salvador-BA

Carro de Boi

Carro de Boi

História de uma família nordestina vivendo o seu cotidiano no universo dos carros de bois mostrando a proximidade entre o mundo dos adultos e das crianças. PRÊMIO WALTER DA SILVEIRA – 1º LUGAR

 

Filme L.E.R

L.E.R

L.E.R

João Angelini | 3:38 | 2007 | Planaltina-DF

A ler é também conhecida como lesão por trauma cumulativo. Muitos estudiosos e instituições já preferem chamar as ler de dort – doenças osteomusculares relacionadas ao trabalho. As ler / dort podem ser causadas por esforço repetitivo devido a má postura, stress ou trabalho excessivo. PRÊMIO ALEXANDRE ROBATTO – 2º LUGAR

PEGA, MATA E COME

filme de Carlos Pronzato

filme de Carlos Pronzato

Carlos Pronzato | 4:59 | 2007 | Salvador-BA
Um retrato do compositor alagoano residente em aracajú – se, josé cândido, autor junto ao joão do vale, de carcará, obra fundamental da mpb e da carreira da cantora maria bethânia, ao desvendar aspectos pouco conhecidos relativos à criação e sucesso desta canção. PRÊMIO ROBERTO PIRES – 3º LUGAR

BEREGUEDÊ E A PANELA DE PRESSÃO

Filme sobre a rádio "Panela de Pressão", do bairro do Garcia, em Salvador

Filme sobre a rádio "Panela de Pressão", do bairro do Garcia, em Salvador

Almir Sales, Diego Beda, Helder Resende | 3:10 2007 | Salvador-BA
História de uma rádio poste localizada no bairro do Garcia (Salvador-ba), que tem Joelson Silva, mais conhecido no bairro como Bereguedê, como idealizador e executor do projeto. Ele também obtém a função de presidente e locutor da rádio. A “panela de pressão”, além de proporcionar momentos de alegria à comunidade, através da transmissão de músicas, ela também oferece serviços como dicas de saúde e faz propaganda, sem fins lucrativos, de trabalhadores residentes na comunidade. PRÊMIO VITO DINIZ
MELHOR VÍDEO DE JOVEM REALIZADOR

MENINOS

meninosErnesto Molinero |5:00 | 2007 | Salvador-BA
Meninos é a divertida jornada de um garoto, de sua sala de aula até o banheiro da escola, vencendo alguns de seus medos e preconceitos da infância. O curta-metragem aborda a questão das relações humanas, incentivando o respeito à diversidade e resgatando valores como amizade e inocência. PRÊMIO LUIZ ORLANDO – JÚRI POPULAR

SENSAÇÕES CONTRÁRIAS

sensações contráriasJorge Alencar, Amadeu Alban, Matheus Rocha
5:00 | Salvador-BA

Vídeo ambientado no recôncavo baiano. Dentro de um ambiente provinciano-decadente, em que os eventos coreográficos e imagéticos se dão por aparentes acidentes, falhas e descontinuidades, num limite entre realismo cotidiano e surrealismo. PRÊMIO PORTAL CURTAS – ESPECIAL.

VERAS

verasEdson Bastos | 5:00 | 2007 | Ipiaú-BA
Divaldo Angelin Veras, mais conhecido como Veras, dá seu último depoimento audiovisual ainda em vida. Dentre outros assuntos, ele fala do amor e recita algumas das suas poesias. Veras, um bon-vivant da cultura cacaueira, é pernambucano de sertânia, bissexual, dono da boate Anjo Azul em Salvador.  Na década de 60, é neste local onde conhece sua primeira esposa, uma das filhas do maior proprietário de roças de cacau do mundo, e faz fortuna. Personalidades como Pelé e artistas internacionais faziam parte do seu convívio. PRÊMIO ABCV – ESPECIAL

PASSO

passo

Alê Abreu | 3:38 | 2007 | São Paulo-SP
Um pássaro e sua gaiola. MENÇÃO HONROSA

 

TODOS FORAM PARA LUA

Um curta metragem cheio de depoimentos de pessoas que moram na lua.

Um curta metragem cheio de depoimentos de pessoas que moram na lua.

Maurício Saldanha | 5:00 | Porto Alegre-RS
O futuro é incerto. A terra passa por mudança que o homem mesmo ajudou a transformar. “todos foram para lua” imagina a terra não mais como nosso natural habitat. A lua então seria uma possibilidade, já que certa vez foi visitada. Opiniões destes que vivem na lua foram registradas neste curta-metragem, que antes de qualquer manifestação direta sobre o caso, deixa no espaço, a dúvida sobre o que seria de fato “um futuro melhor” para a humanidade(?). MENÇÃO HONROSA .

 Premiados em 2008

VOLTAGE

voltage

Willian Paiva e Filippe Lyra | 4’11’’ | ANM | 2008 | Olinda – PE
Assim como os sintetizadores modulares, as pessoas se conectam entre si para atingir vários objetivos. Em Voltage, robôs meio humanos e meio sintetizadores, movidos por doses cavalares de energia, conectam-se num transe elétrico e caótico. PRÊMIO WALTER DA SILVEIRA: 1ºLUGAR.

O SAL TUPINAMBÁ

sal tupinambáSebastián Gerlic | 2’59’’ | DOC | 2008 Maceió – AL
Binho Tupinambá é um garoto indígena que vive na beira do mangue
no Sul da Bahia e caça aratus para sobreviver. No filme, Binho compartilha
sua visão do mundo: “Viver na Natureza é bom porque ela nos dá
o alimento”. “O homem é que é perigoso”, Binho diz, fundamentado em
ele já ter visto os índios serem enganados, roubados e até ter sabido
que houve um índio queimado vivo. PRÊMIO ALEXANDRE ROBATTO: 2ºLUGAR.

WALTERVILLE

Em Walterville, a platéia vislumbra a si mesma

Em Walterville, a platéia vislumbra a si mesma

Alexandre X | 3’52’’ | EXP | 2008 | Salvador – BA
O cinema é o lugar de entrar em outros mundos. Mas, em Walterville, a platéia vislumbra a si mesma. A tela funciona como um espelho, e a sala é mais do que uma simples sala. Nela, mora o fantasma do crítico e ensaísta Walter da Silveira, que, com seus eruditos conceitos sobre a sétima arte, precisa conviver junto ao novo cinema, ao público ingênuo e aos formatos mais heréticos. Chega um ponto, porém, em que a convivência se torna catártica e o público padece da maldição. PRÊMIO ROBERTO PIRES: 3º LUGAR; PRÊMIO ESPECIAL ABCV.

BOA NOITE, FÁTIMA

boa noite_fátima

Caio Rubens | 3’10’’ | EXP | 2008 | Salvador – BAQuem é responsável pela má qualidade na TV? PREMIO VITO DINIZ: JOVEM REALIZADOR

 

RETRATO

retratoErnesto Molinero e Paula Gomes | 5’ | FIC | 2008 | Salvador – BA
Década de 30. Uma família de imigrantes muito atrapalhada embarca em uma divertida jornada ao tentar tirar um retrato para convencer seus parentes distantes da próspera situação em que se encontram. PRÊMIO ESPECIAL PORTAL CURTAS PETROBRÁS.

IDÉIAS DO POVO

idéias do povoAdriana de Andrade | 3’30’’ | DOC | 2008 | Brasília – DF

Qual filme você faria com 3 minutos de duração? Filosofia de Boteco.

 

EMÍLIA ESCREVE UM DIÁRIO

emilia escreve um diárioTata Amaral | 3’02’’ | FIC | 2008 | São Paulo – SPEmília tem 7 anos e mora na Vila Brasilândia, bairro da periferia da cidade de São Paulo. Sua mãe trabalha fora o dia todo. Emília costumava ficar com sua avó, mas esta acaba de morrer. Agora, é obrigada a ficar sozinha e cuidar de todos os afazeres domésticos na ausência de sua mãe. Como uma espécie ajuda, Emília escreve um diário. MENÇÃO HONROSA.

 

A FAMÍLIA PALHAÇO

a família palhaçoMaurício Saldanha | 5’ | DOC | 2008 | Porto Alegre – RS

A quantas anda a palhaçada dentro de sua casa?

Anúncios

2 Respostas

  1. Gostaria de parabenizar pelo trabalho de divalgação destes vídeos que são de uma qualidade excepcional. Gostaria de saber quando estes vídeos serão exibidos no Centro de Cultura Olívia Barradas em Valença e como podemos visualizá-los na internet ou em algum outro espaço. Obrigado!

  2. Gostaria de receber mais informações e regulamento do Festival de 5 minutos

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: